igreja cristã maranata – O deus da maranata (gedelti gueiros, fundador e dono) PERDEU MAIS UMA!!!

O deus da maranata (gedelti gueiros, fundador e dono) PERDEU MAIS UMA!!!

fundador e dono da maranata - o VPC - vértice da pirâmide criminal

fundador e dono da maranata – o VPC – vértice da pirâmide criminal

Como de costume Gedelti perdeu mais uma ação na justiça, esta contra o Lucas Avila por Crimes contra a Honra – Difamação.

O Lucas Avila é filho do Pastor Aloisio que continua pastor na ICM, todas as ações até hoje impetradas por Gedelti ou pelo presbitério na intenção clara de tentar calar quem fala a verdade foram derrotas certa na justiça, isso graças a Deus que não permite injustiças e ao brilhante advogado Leo Schuler (Leonardo Lamego Shuller)

Vão perder todas, Deus é fiel!!!!

Processo: 0006472-59.2013.8.08.0035 Petição Inicial: 201300216417
Situação: Tramitando
Vara: VILA VELHA – 1º JUIZADO ESPECIAL CRIMINAL
Data da Distribuição: 27/02/2013 14:06 Motivo da Distribuição: Distribuição por sorteio
Ação: Ação Penal – Procedimento Sumaríssimo Natureza: Juizado Especial Criminal Data de Ajuizamento: 27/02/2013
Assunto principal: DIREITO PENAL – Crimes contra a Honra – Difamação
Partes do Processo
Querelante
GEDELTI VICTALINO TEIXEIRA GUEIROS
Querelado
LUCAS AVILA DE ARAUJO

PARTE DA DECISÃO:

Desta feita, NÃO HÁ indícios mínimos a fim de fundamentar a instauração de processo criminal por difamação em face do querelado, uma vez que a conduta praticada pelo mesmo revela-se atípica, ensejando na rejeição da queixa-crime intentada em seu desfavor.

Assim sendo, diferente do que foi alegado na inicial acusatória, observo que o depoimento prestado pelo querelado não contém declarações direcionadas à ofensa da honra alheia, visto que este possuía apenas o “animus narrandi “.

Diante do exposto, tendo em vista a ausência de justa causa para prosseguimento do feito, REJEITO A QUEIXA-CRIME, com fulcro no artigo 395, inciso III, do Código de Processo Penal, e determino o ARQUIVAMENTO do presente feito, com as formalidades de estilo e anotações no E-JUD, após o transito em julgado desta Decisão.

Publique-se e Registre-se.

Intimem-se as partes, por intermédio de seus Doutos Advogados, através do Diário Oficial.

Notifique-se a Exma. Dra. Promotora de Justiça.

Vila Velha/ES, 24 de abril de 2014.

Regina Maria Corrêa Martins
Juíza de Direito

fonte: http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2013/02/fabrica-de-demandas-judiciais/#comment-13369

Anúncios

2 comentários

  1. Assim tb será com o processo criminal movido contra pastor Gil e que está tramitando desde final do ano passado: Mais uma vergonha à vista aguarda este senhor!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s