Imaginem uma igreja que prega aos quatro ventos que não se envolve em política, mas que na época de campanha eleitoral faz do seu povo um curral eleitoral

Imaginem uma igreja onde se canta “cantarei, cantarei a misericórdia do senhor…”, é se pratica a intolerância, a raiva, o alijamento para com os fracos;

Imaginem uma igreja que se diz ser a “obra de Davi”, mas se Davi estivesse aqui não seria aceito pra ser obreiro,diácono ou pastor, pelo simples ter praticado um homicídio e adultério;

Imaginem uma igreja que prega aos quatro ventos que não se envolve em política, mas que na época de campanha eleitoral faz do seu povo um curral eleitoral;

Imaginem uma igreja onde se falava “Jesus está voltando” e com o passar do tempo trocou por “Jesus virá”;

Imaginem uma igreja que seus membros morrem de medo de satanás, se borram até de pronunciar o nome “diabo” (já que o termo “inimigo” é mais ligth);

Imaginem uma igreja que o seu presbitério se transformou num grande balcão de negociatas e toda sorte de falcatrua;

Imaginem uma igreja que os pastores são meros gerentes;

Imaginem uma igreja que o seu presidente não sabe de nada;

Imaginem uma igreja que acha que patenteou a “obra de Deus”;

Imaginem uma igreja que embute na cabeça das pessoas, que suas atividades seculares na igreja são mais importante que a família;

Imaginem uma igreja que “consulta a Deus” para batizar uma pessoa (As pessoas tem biblicamente dois direitos pétreos: aceitar a Jesus e proclamar esse novo nascimento através do batismo (testemunhar a nova vida);

Imaginem uma igreja que matematiza a vontade de Deus através de “consulta” (dois textos “bons” é SIM / dois textos “ruins” é NÃO);

Imaginem uma igreja que os pastores conhecem a Bíblia superficialmente, que dirá das ovelhas;

Imaginem uma igreja milionária que muitos de seus membros pobres morrem de fome, e ouvem do pastor uma palavra de consolo tipo “você tem que orar”;

Imaginem uma igreja que considera as outras igrejas como povo de segunda categoria;

Imaginem uma igreja onde se usa estratégias maquiavélicas de lavagem cerebral para formatar unidade do povo;

Imagina uma igreja que acha que a “saia jeans”, pessoa calma e obediente, a capacidade de não responder a um esporro, etc, é sinal suficiente para demonstrar espiritualidade;

Imaginem uma igreja que estimula o puxa-saquismo de pastores ( quem baba mais, tem dinheiro ou um bom diploma é “levantado” – se é que estava caído);

Imaginem ima igreja que para aterrorizar o povo, proteger e valorizar seus pastores, ensinando: “não toqueis nos meus ungidos”. (a palavra “tocar no ungido” usada na Bíblia significa “matar”, e não criticar ou falar);

POIS É ESSA IGREJA É A MARANATA !

 

Imagem

 

http://obramaranatarevelada.wordpress.com/2012/12/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s